255147828439789

Bolsonaro defende moeda única para América do Sul. Maia não gosta

7 de junho de 2019 - 13:37 | por Redação
Bolsonaro defende moeda única para América do Sul. Maia não gosta
Economia
0

A afirmação do presidente da República, Jair Bolsonaro, ontem (7) que o governo quer uma moeda única para toda a América do Sul, repercutiu. A possibilidade foi apresentada  pelo ministro da Economia, Paulo Guedes,  ,que admitiu que a proposta  interessa muito mais à Argentina. A primeira fase da nova moeda ocorreria entre Brasil e Argentina .  Posteriormente se ampliaria às nações, se desejadas.

Nesta sexta-feira, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia criticou a proposta de unificação de moedas sob os argumentos de que ela provocaria a desvalorização do real frente ao dólar e traria mais inflação.

Argentinos não gostaram da visita de Bolsonaro e milhares protestaram na praça de Mayo

A Argentina enfrenta grave crise econômica de longa duração, com queda livre do peso em relação ao dólar (um dólar vale 45 pesos) e inflação de mais de 30% ao ano.  Para comprar um real, o argentino tem que ter no bolso pelo menos onze pesos.  

Juntamente com esse quadro, os argentinos sofrem com o altíssimo desemprego e o aumento da miséria que hoje assola mais de 30% da população do país vizinho.

Após as críticas de Rodrigo Maia, o presidente disse que elas são benvindas para ajustar o projeto  e que a “moeda  única dará uma trava nos projetos socialistas que tentam implantar na América do Sul”.

Foto capa: Marcelo Camargo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *