255147828439789

última hora

Ministério da Saúde abre inscrições para o programa Mais Médicos

27 de maio de 2019 - 16:49 | por Redação
Ministério da Saúde abre inscrições para o programa Mais Médicos
Saúde
0

Uma nova rodada de inscrições para o Programa Mais Médicos foi aberta nesta segunda-feira (27) e prossegue até quarta-feira (29). São oferecidas 2.212 vagas para o atendimento na atenção primária à saúde em cerca de 1.185 municípios e 13 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs), via  internet.

A prioridade no preenchimento das vagas será para médicos formados e habilitados com registro em qualquer Conselho Regional de Medicina do Brasil. Os candidatos inscritos devem acessar o sistema do Mais Médicos na internet  entre os dias 6 e 7 de junho para indicar o local onde querem trabalhar dentre as vagas disponíveis.

Médicos brasileiros podem se inscrever na nova etapa do programa Foto Tânia Rêgo

A expectativa do Ministério da Saúde é que os médicos comecem atender em junho. De acordo com a pasta, essa nova etapa do programa deve reforçar a assistência na atenção primária a mais de 6 milhões de pessoas que vivem nas áreas mais vulneráveis do país.

No caso de vagas remanescentes dessa 1ª etapa, será feito um chamamento público aos brasileiros formados em outros países e que já tenham habilitação para o exercício da medicina no exterior.

O programa sofre sucessivos abalos após os anúncios de Bolsonaro de que médicos cubanos não seriam aceitos não poderiam mais atuar no Brasil.

Ano de 2018 foi de despedida do Brasil para os profissionais cubanos. Muitos deles seguiram para o México, onde já atuam a convite do governo de Andrés Manuel López Obrador.

Eles prestavam seus serviços  nas áreas mais distantes e pobres do país, nas periferias das capitais, cujas populações sofrem a saída. Parte considerável de médicos brasileiros que os substituíram, dentro do programa, abandonou os trabalhos. Outras cidades não tiveram sequer como repor os profissionais e o prejuízo  à saúde da população cresceu.

A atual fase de inscrição comprova a ineficiência das medidas da equipe de Bolsonaro ao tratar do programa Mais Médicos.

Da Redação, com informações da ABr

foto capa: Francisco Campos SES Ma

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *